Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
IHV (IAHU) e ISV (IASHUA)
Gileno Correia dos Santos

- Observação: O conteúdo deste texto é a revelação que ocorreu em tempo passado entre o povo hebreu.


IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá)


O objetivo deste texto é auxiliar através de frases o ensino referente à verdade (realidade) de toda existência, a única existência própria e infinita, a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o Espírito (Alma) Puro (Santo), Eterno (Que não tem princípio nem fim) e Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos), e para si mesmo não existe impossível nem mistério, denominado LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá) e IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá); o Poder (Força), o Soberano (Dominador), a Gestão (Administração), o Caminho (Os Dez Mandamentos), a Verdade (Realidade) e a Vida (Atividade, Sopro de Vida) que está entre o céu (infinito) e sobre toda existência, o Altíssimo, o único (absoluto) e verdadeiro Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças).


"- ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá): Eu, ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias, vim em nome do meu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) que está comigo e entre o céu (infinito), sou o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação da criatura humana constituída de pó da terra, sopro de vida (atividade, vida) e espírito (alma), do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do meu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito);

- Que o espírito (alma) de cada criatura humana na condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) conheça a verdade (realidade) de toda existência e permaneça nesta verdade (realidade) que o conduzirá ao único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação das suas dívidas dos pecados, do engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensinará a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito);

- Cada espírito (alma) de uma criatura humana que escolhe a verdade (realidade) de toda existência para seguir é atento quando a escuta e vê.”


ELIA, ALSHADAI, IAHU, IH, IAHUSHUA e EMANUEL, IASHUA.


Brasil




Índice


I – Prefácio


II – A Existência de Espírito (Alma)

O Comportamento

O Pensamento e o Sentimento


III – A Verdade (Realidade) da Procedência de Espírito (Alma)


IV - Consideração


V - Conclusão


I


Prefácio


Este texto é o resultado de pesquisa durante anos, o objetivo deste texto é auxiliar através de frases o ensino referente à verdade (realidade) de toda existência, a única existência própria e infinita, a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o Espírito (Alma) Puro (Santo), Eterno (Que não tem princípio nem fim) e Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos), e para si mesmo não existe impossível nem mistério, denominado LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá) e IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá); o Poder (Força), o Soberano (Dominador), a Gestão (Administração), o Caminho (Os Dez Mandamentos), a Verdade (Realidade) e a Vida (Atividade, Sopro de Vida) que está entre o céu (infinito) e sobre toda existência, o Altíssimo, o único (absoluto) e verdadeiro Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças); nada do que foi feito seria feito sem a vontade (Os Dez Mandamentos) da existência do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o criador de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe; o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é quem determina a lei de toda sua criatura, ou sua dependente existência para ser existência; consciente de si mesmo e precedente de tudo o que foi conforme presenciou e ensinou o seu primeiro filho de espírito (alma) puro (santo) denominado MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) que provou ser a presença do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas, o Messias e irmão nosso, o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação da criatura humana constituída de pó da terra, sopro de vida (atividade, vida) e espírito (alma), do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito) ou o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito). Informar sobre o começo do nascimento, ou da incorporação, de cada espírito (alma) em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana entre o universo debaixo do céu (infinito). Ativar o espírito (alma) de cada criatura humana para meditar referente o lugar, o morrer, ou a desincorporação, de cada espírito (alma) incorporado em uma condição mortal, ou o retorno de cada espírito (alma) ao céu (infinito); melhorar o comportamento próprio, viver bem e contentar-se, apesar de ter nascido, ou incorporado, em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana para viver transitório na condição mortal conforme a consequência do comportamento próprio entre o universo debaixo do céu (infinito); não se desesperar por circunstância prejudicial à condição mortal onde está incorporado o espírito (alma) e por acontecer desordem entre as criaturas humanas. Cada frase aqui compreendida foi repensada e modificada muitas vezes para apresentar uma clara interpretação da verdade (realidade) do seu significado. Entre as frases apresentadas estão as que respondem às seguintes perguntas: O que é mortal, morte, ou morrer? ; Nascer, ou incorporar-se, cada espírito (alma) em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana, e morrer, ou desincorporar-se de uma condição mortal, corresponde a o quê? ; Qual é o sentido, ou o caminho, de cada espírito (alma) de uma criatura humana incorporado em uma condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito)? ; Qual é a verdadeira religião, ou a chave dos grandes mistérios? .


II


A Existência de Espírito (Alma)


1- A existência de espírito (alma) é uma substância incorpórea procedente e propriedade do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o criador de vida (atividade, sopro de vida), de espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, conforme ensinou e provou o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, as criaturas humanas entre o planeta terra e o universo debaixo do céu (infinito).


2- Mortal é uma condição transitória como a fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana, onde nasce, ou incorpora-se, cada espírito (alma) para viver transitório na condição mortal conforme a consequência do comportamento próprio entre o universo debaixo do céu (infinito), e morte, ou morrer, é a desincorporação de cada espírito (alma) incorporado em uma condição mortal, ou o retorno de cada espírito (alma) ao céu (infinito).


3- A existência de cada espírito (alma) não se inicia a partir de seu nascimento, ou de sua incorporação, em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana entre o universo debaixo do céu (infinito), e não se acaba a partir de sua morte, ou sua desincorporação de uma condição mortal, ou seu retorno ao céu (infinito), porque é uma substância incorpórea, mas é finito o número de existência de espírito (alma) que descende do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) predestinado a tal nascimento e morte, para viver transitório conforme a consequência do comportamento próprio.


4- Nascer, ou incorporar-se, cada espírito (alma) em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana corresponde ao começo de sua vivência em uma condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito), e morrer, ou desincorporar-se de uma condição mortal, ao término de sua vivência na condição mortal e não de sua existência porque é uma substância incorpórea.


5- Adam e Hava (Rava) em tempo passado foram as primeiras existências de criaturas humanas constituídas de pó da terra, sopro de vida (atividade, vida) e espírito (alma) criados através do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) em seu Paraíso terrestre (próximo do atual lugar onde fica o país do Iraque) onde viviam, mas Adam e Hava (Rava) por consequência de desobedecerem à instrução de como comportar-se feita através do seu criador contraíram o pecado (inimigo) e a condição mortal que incluiu sua descendência e toda a criatura inferior a humana.


6- Depois que os espíritos (almas) de Adam e Hava (Rava) contraíram o pecado (inimigo) e a condição mortal que incluiu sua descendência e toda a criatura inferior a humana por consequência de desobedecerem à instrução de como comportar-se feita através do seu criador, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), em seu Paraíso terrestre (próximo do atual lugar onde fica o país do Iraque) onde viviam perderam a condição de viverem eternos entre o universo debaixo do céu (infinito), e cada espírito (alma) de sua descendência nasceu, ou incorporou-se, em uma condição mortal predestinado a morrer, ou a desincorporar-se da condição mortal, ou a retornar ao céu (infinito), mas serão salvos do pecado (inimigo) através da nova aliança do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) vinda em nome do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito).


7- Cada espírito (alma) de uma criatura humana está sujeito à tentação do comportamento mau e da ambição própria, mas através da sua escolha de comportar-se pode mudar o comportamento próprio conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho).


8- O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é a verdade (realidade) de toda existência, a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos), e para si mesmo não existe impossível nem mistério; portanto o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sabe e vê o que sente e sentirá cada espírito (alma) de sua criatura humana, que a criatura humana acredite, ou não, porque já foi provado através do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, quando estava vivendo em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas.


O Comportamento


9- O sentido, ou o caminho, de cada espírito (alma) de uma criatura humana incorporado em uma condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) é o comportamento do mesmo espírito (alma) para viver em diversa consequência equivalente ao comportamento próprio, e antes de acontecer entre o semelhante é conhecido e visto através do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú); portanto o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é o único que sabe e vê o comportamento e sua consequência de cada espírito (alma) de sua criatura humana antes de acontecer entre o semelhante, como foi provado através do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, quando estava vivendo em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas.


10- Cada comportamento do espírito (alma) de uma criatura humana corresponde a uma consequência para si mesmo, conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho); portanto nenhuma consequência de cada comportamento do espírito (alma) de uma criatura humana não corresponde ao equivalente comportamento do mesmo espírito (alma) convivendo com o semelhante, ou nada será feito para si mesmo o que não corresponde a consequência do comportamento próprio durante a sua convivência com o semelhante entre o universo debaixo do céu (infinito).


11- O pensar, sentir, acreditar, saber, ignorar e o satisfazer do comportamento de cada espírito (alma) de uma criatura humana a consequência atinge o mesmo espírito (alma), ou a vivência de cada espírito (alma) de uma criatura humana diante do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, é equivalente a consequência do comportamento do mesmo espírito (alma); portanto a consequência do comportamento de cada espírito (alma) de uma criatura humana não apenas atinge o semelhante e sim a si mesmo, ou seja, cada espírito (alma) de uma criatura humana é livre para fazer o que quiser e prisioneiro da consequência do que fizer.


12- Cada espírito (alma) de uma criatura humana pode através da sua escolha de comportar-se: viver na consequência esperada do comportamento escolhido em tempo passado; melhorar o comportamento próprio, viver bem conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho); contentar-se, apesar de ter nascido, ou incorporado, em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana para viver transitório na condição mortal conforme a consequência do comportamento próprio entre o universo debaixo do céu (infinito); não se desesperar por circunstância prejudicial à condição mortal onde está incorporado o espírito (alma) e por acontecer desordem entre as criaturas humanas.


13- Nascer, ou incorporar-se, novamente o espírito (alma) de uma criatura humana em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana entre o universo debaixo do céu (infinito) pode ser outra oportunidade que o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) permitiu para melhorar o comportamento próprio conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho); portanto o espírito (alma) de uma criatura humana pode novamente nascer, ou incorporar-se, em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana entre o universo debaixo do céu (infinito).


14- Cada espírito (alma) de uma criatura humana está melhorando o comportamento próprio quando:

- Comportar-se igual ao inocente, mas considerando a sabedoria conseguida através do ensino do Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), e não se comportar diferente dessa sabedoria: Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho);

- Não se prostituir nem seguir as inclinações do sentimento e dos seus olhos que o levam a maldição;

- Não atender a tentação do comportamento mau.


15- O corpo carnal (pó da terra) de condição mortal onde nasceu, ou incorporou-se, um espírito (alma) entre o universo debaixo do céu (infinito) é sujeito a modificar-se conforme a consequência de sua condição mortal e do comportamento do espírito (alma) que nasceu, ou incorporou-se nesse corpo carnal (pó da terra).


16- Cada espírito (alma) de uma criatura humana incorporado em um corpo carnal (pó da terra) de condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) comparado com o semelhante tem diferença de desenvolvimento do comportamento próprio em sabedoria e o corpo carnal (pó da terra) onde se incorporou.


17- Cada espírito (alma) de uma criatura humana pode influenciar, ou tentar, o semelhante na escolha de comportar-se, mas não mudar seu comportamento porque nenhum espírito (alma) de uma criatura humana pode mudar o comportamento do semelhante senão o próprio espírito (alma) do semelhante.


18- Acontece na vivência de cada espírito (alma) de uma criatura humana a consequência do comportamento próprio, e por aceitar, ou não, o ensino do Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho).


19- O comportamento justo de cada espírito (alma) de uma criatura humana é necessidade para viver bem e afastar-se do mau costume, mas através dos bens materiais não se conhece o comportamento justo e sim através do sentimento conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho); portanto através dos bens materiais, não se conhece o comportamento justo de cada espírito (alma) de uma criatura humana, mas o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sabe e vê o que sente e sentirá cada espírito (alma) de sua criatura humana, que a criatura humana acredite, ou não, porque já foi provado através do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) quando estava vivendo em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas.


O Pensamento e o Sentimento


20- O pensamento e o sentimento de cada espírito (alma) de uma criatura humana incorporado em uma condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) são equivalentes ao comportamento do mesmo espírito (alma), e estão diante do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, a nossa Salvação do pecado (inimigo).


21- Cada espírito (alma) de uma criatura humana por si mesmo não sabe o que pensa, ou sente, o semelhante, mas acontece com este a consequência do comportamento próprio.


22- A prova da existência do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) foi testemunhada por criaturas humanas, e as verdadeiras pronúncias do santo nome do Pai celestial: LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá) e IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá) foram reveladas através do próprio Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o criador de todo universo.


23- Cada espírito (alma) de uma criatura humana pode reconhecer as pronúncias do santo nome do Messias e irmão nosso: MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito); e as pronúncias do santo nome do Pai celestial: LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá) e IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá), o criador de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe.


24- A verdadeira religião, ou a chave dos grandes mistérios, não é associação religiosa, ou igreja, e sim o sentimento com obediência através do comportamento de cada espírito (alma) de uma criatura humana conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho).


25- O sentimento de cada espírito (alma) de uma criatura humana é a verdade (realidade) e o testemunho do comportamento do mesmo espírito (alma), e não o conceito feito através do semelhante como a verdade (realidade) e o testemunho do comportamento de cada espírito (alma) de uma criatura humana.


26- Cada espírito (alma) de uma criatura humana entre o universo debaixo do céu (infinito) pode através de sonho, ou crença, sentir a presença do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, a nossa Salvação do pecado (inimigo).


27- Nada do que foi feito seria feito sem a vontade (Os Dez Mandamentos) da existência do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o criador de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, conforme presenciou e ensinou o seu primeiro filho denominado MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) as criaturas humanas entre o universo debaixo do céu (infinito).


III


A Verdade (Realidade) da Procedência de Espírito (Alma)


28- O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é: A verdade (realidade) de toda existência, a única existência própria e infinita, a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o Espírito (Alma) Puro (Santo), Eterno (Que não tem princípio nem fim) e Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos), e para si mesmo não existe impossível nem mistério, denominado LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá) e IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá); o Poder (Força), o Soberano (Dominador), a Gestão (Administração), o Caminho (Os Dez Mandamentos), a Verdade (Realidade) e a Vida (Atividade, Sopro de Vida) que está no céu (infinito) e sobre toda existência, o Altíssimo, o único (absoluto) e verdadeiro Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças); nada do que foi feito seria feito sem a vontade (Os Dez Mandamentos) da existência do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o criador de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe; o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é quem determina a lei de toda sua criatura, ou sua dependente existência para ser existência; consciente de si mesmo e precedente de tudo o que foi conforme presenciou e ensinou o seu primeiro filho de espírito (alma) puro (santo) denominado MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) que provou ser a presença do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas, o Messias e irmão nosso, o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação da criatura humana constituída de pó da terra, sopro de vida (atividade, vida) e espírito (alma), do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito) ou o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito). Antes da existência de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, já existia o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), cujo filho descendeu predestinado a nascer, ou a incorporar-se, em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana denominada Míriam entre o planeta terra provocado através do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), por ter prometido a Davi rei de Israel em tempo passado, para cumprir uma missão de justificação da nova aliança do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) formada através dos seus Dez Mandamentos (O Caminho) e sacrifício do seu primeiro filho na cruz em favor das criaturas humanas pecadoras entre o universo debaixo do céu (infinito), cuja aliança é o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito); e para mostrar a todo o universo que a lei dos Dez Mandamentos (O Caminho) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é imutável; pois o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) não veio aniquilar a lei dos Dez Mandamentos (O Caminho) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e sim cumpri-la diante do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e de todo o universo aceitando recair sobre si mesmo a penalidade da lei dos Dez Mandamentos (O Caminho) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) através do seu sacrifício na cruz em favor das criaturas humanas pecadoras para realizar sobre si mesmo a justificação da nova aliança do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre as criaturas humanas pecadoras; e através de arrependimento e consciência de cada espírito (alma) de uma criatura humana pecadora prevalecer sobre o poder (incontinência) do pecado (inimigo), e demonstrar a todo o universo que a justiça e o perdão são os fundamentos do governo do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças). O Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) é o Caminho (Os Dez Mandamentos), a Verdade (Realidade) e a Vida (Atividade, Sopro de Vida), o Espírito (Alma) Puro (Santo) e Eterno (Que não tem princípio nem fim) que presenciou a criação de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, através do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú); a árvore de vida (atividade, sopro de vida) que foi plantada entre o Paraíso terrestre (próximo do atual lugar onde fica o país do Iraque) através do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú); portanto o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) são as referências de quem ensina a verdade (realidade) da procedência de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe.


IV


Consideração


29- Cada espírito (alma) de uma criatura humana que morreu, ou desincorporou-se de uma condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) está dormindo em diferente condição entre o céu (infinito), e nada sabe nem sente o que se passa no planeta terra até chegar o último dia do tempo quando será acordado através do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito);

- Viverá bem entre o céu (infinito) cada espírito (alma) de uma criatura humana que melhora o comportamento próprio durante a sua vivência em condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho);

- Não confie a vida em nenhum mortal porque a vida que o anima se prende a um sopro de vida criado através do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos);

- Acostumar acontece através do comportamento, e reconhecer, do conhecido, e descobrir, do descoberto, e aprender, do aprendido de cada espírito (alma) de uma criatura humana;

- O ato sexual é uma das necessidades do corpo carnal (pó da terra) de condição mortal onde está incorporado cada espírito (alma) de uma criatura entre o universo debaixo do céu (infinito);

- O comportamento justo de cada espírito (alma) de uma criatura humana é necessidade para viver bem e afastar-se do mau costume;

- Cada espírito (alma) de uma criatura humana que é atento à verdade (realidade) de toda existência, não se deixa realizar através da cobiça;

- O amor entre o sentimento de cada espírito (alma) de uma criatura humana é transitório se for por coisa transitória;

- O amor entre o sentimento de cada espírito (alma) de uma criatura humana é eterno se for por coisa eterna;

- Cada espírito (alma) de uma criatura humana que costuma a estudar, acostuma-se com o que estuda;

- Cada espírito (alma) de uma criatura humana que perdoa é perdoado;

- Cada espírito (alma) de uma criatura humana que procura, encontra.


30- Cada espírito (alma) de uma criatura humana em tempo passado, não se comportava como em tempo presente, e em tempo futuro se comportará conforme a consequência do comportamento próprio em tempo presente; portanto o tempo passado, não mais pertence ao comportamento de cada espírito (alma) de uma criatura humana em tempo presente.


31- A vivência de cada espírito (alma) de uma criatura humana em uma condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) é transitória e eterno o seu criador, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), que pode conceder a eternidade a sua criatura humana desde que obedeça aos seus Dez Mandamentos (O Caminho) através do comportamento próprio; portanto é transitório o que cada espírito (alma) de uma criatura humana faz de si mesmo durante a sua vivência em uma condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) e eterno o amor que o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) tem por sua criatura humana desde que obedeça aos seus Dez Mandamentos (O Caminho) através do comportamento próprio.


32- Cada espírito (alma) de uma criatura humana, não cobice a situação do semelhante porque é diferente a vivência de cada espírito (alma) de uma criatura humana conforme a consequência do comportamento próprio diante do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), e sim lembrar de comportar-se conforme os Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, a nossa Salvação do pecado (inimigo).


33- A ciência entre o universo debaixo do céu (infinito) é consequência da crença de cada espírito (alma) de uma criatura humana na verdade (realidade) de toda existência do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso; portanto a ciência entre o universo debaixo do céu (infinito) não existe sem a crença de cada espírito (alma) de uma criatura humana na verdade (realidade) de toda existência.


34- O essencial da existência do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é a sua condição de UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos), e para si mesmo não existe impossível nem mistério conforme o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, presenciou, ensinou e provou as criaturas humanas entre o universo debaixo do céu (infinito); portanto deixa de ser mistério para a consciência de cada espírito (alma) de uma criatura humana o saber referente ao essencial da existência do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito).


35- A verdade (realidade) da procedência de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe foi ensinada através do Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), que presenciou, ensinou, afirmou e provou as criaturas humanas: O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) está no céu (infinito) e sobre toda existência, o Altíssimo, consciente de si mesmo e precedente de tudo o que foi, revela-se e mostra quem é a si mesmo e a sua criatura, ou sua dependente existência para ser existência, o seu santo nome para sempre é IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), e é assim que o invocará de geração em geração; por sua vontade (Os Dez Mandamentos) origina-se: força consciente e inconsciente, toda criatura de condição dependente, ou independente, de comportar-se; sem a sua vontade (Os Dez Mandamentos) nada do que foi feito seria feito; por sua vontade (Os Dez Mandamentos) toda criatura não existia e foi criada; todo espaço pertence ao Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) por ser a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), simultaneamente, visível, invisível, inatingível e insondável; sabe e vê o que sente e sentirá cada espírito (alma) de sua criatura humana porque tudo está diante de si mesmo: o comportamento, pensamento e o sentimento, e cada espírito (alma) receberá a consequência do comportamento próprio diante do seu criador, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças), a verdade (realidade) de toda existência.


V


Conclusão


1- O único caminho (Os Dez Mandamentos) para cada espírito (alma) de uma criatura humana salvar-se das suas dívidas dos pecados, do engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito) é o sentimento com obediência através do comportamento próprio conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho).


2- Associação religiosa, ou igreja, não é a verdadeira religião, ou a chave dos grandes mistérios nem o caminho (Os Dez Mandamentos) para a salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito), e sim o sentimento com obediência através do comportamento de cada espírito (alma) de uma criatura humana conforme ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú): Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho).


3- A existência de espírito (alma) é uma substância incorpórea procedente e propriedade do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú); e finito o número de espírito (alma) que descende do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) predestinado a nascer, ou a incorporar-se, em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana entre o universo debaixo do céu (infinito), e a morrer, ou a desincorporar-se da condição mortal, ou a retornar ao céu (infinito).


4- Cada espírito (alma) de uma criatura humana, não tem dificuldade de acreditar na mentira divulgada através do semelhante e sim na verdade (realidade) de toda existência ensinada através do Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), apesar de realizar várias provas da verdade (realidade) ensinada quando estava vivendo em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas: Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho).


5- O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é quem determina a lei de toda sua criatura, ou sua dependente existência para ser existência; portanto o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é o único que pode intervir na lei de toda sua criatura, ou realizar milagre.


6- Cada espírito (alma) de uma criatura humana pertence à família procedente do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), e merece está onde está porque, se perceber, ou não, vai cumprindo o seu destino conforme a consequência do comportamento próprio diante do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, entre o universo debaixo do céu (infinito).


7- Não acredite em deuses feitos por espírito (alma) de criatura humana e sim naquele único e verdadeiro Pai celestial denominado IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o criador de vida (atividade, sopro de vida), de espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, conforme presenciou e ensinou o seu primeiro filho denominado MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito).


8- O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é justo, puro (santo), atento, bom e o seu amor é para sempre; lembre-se do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso; bendita e santificada são as pronúncias do nome do Pai celestial: LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá) e IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá), e as pronúncias do nome do seu primeiro filho: MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), que foram reveladas através do próprio Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças), a verdade (realidade) de toda existência, a única existência própria e infinita.


9- O todo poderoso é o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos), e para si mesmo não existe impossível nem mistério; assim foi ensinado e provado através do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, as criaturas humanas entre o universo debaixo do céu (infinito).


10- Cada espírito (alma) de uma criatura humana incorporado em uma condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito) está sujeito a satisfazer as necessidades da condição mortal, mas precisa obedecer ao ensino do Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), através do comportamento próprio: Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho), cujo ensino e o seu sacrifício na cruz realizou-se sobre si mesmo a justificação da nova aliança do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre as criaturas humanas pecadoras, cuja aliança é o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito).


11- O acontecimento do nascimento, ou da incorporação, do Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana denominada Míriam entre o planeta terra provocado através do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), por ter prometido a Davi rei de Israel em tempo passado, foi para cumprir uma missão de justificação da nova aliança do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) formada através dos seus Dez Mandamentos (O Caminho) e sacrifício na cruz em favor das criaturas humanas pecadoras entre o universo debaixo do céu (infinito), cuja aliança é o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito); portanto quando chegar o último dia do tempo, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, chegarão novamente ao universo debaixo do céu (infinito) conforme a sua subida ao céu (infinito) em tempo passado para o julgamento final do mundo, e nesse dia quem evocar a pronúncia ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) do santo nome do Messias para solicitar o perdão e a sua salvação das dívidas dos pecados, do engano, da geração perversa, condição mortal e destruição do mundo, será perdoado, salvo e nascerá (virá) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças).


12- A pronúncia IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é do santo nome do Pai celestial, o criador de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, e só através do santo nome do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, é o único caminho (Os Dez Mandamentos) que devamos ser salvos do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo e por onde aprendamos a nascermos (virmos) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito); e por nenhum outro nome dado a conhecer seremos salvos conforme ensinou e provou o Messias ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) as criaturas humanas entre o universo debaixo do céu (infinito).


13- Lembre-se: 1º- Cada espírito (alma) de uma criatura humana cuide do seu comportamento conforme os Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, a nossa Salvação do pecado (inimigo);

2º- Afastais-vos de toda religião porque é fachada de mercenário para enganar o povo partidário e alheia a verdade (realidade) de toda existência, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e o seu primeiro filho o Messias ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá);

3º- Não sigas o costume de cada espírito (alma) de criatura humana deste mundo debaixo do céu (infinito) que desobedece aos Dez Mandamentos (O Caminho).


Os Dez Mandamentos (O Caminho) ou Preceitos do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, para a liberdade de cada espírito (alma) de sua criatura humana:

1º - Não terás outros deuses diante do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú);

2º - Não farás ídolos, ou deuses, e suas imagens esculpidas para ti, e não te prostrarás diante desses ídolos, ou deuses, nem os servirás;

3° - Não pronunciarás o nome do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) em prova de falsidade porque o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) não deixa impune aquele que pronuncia o seu santo nome em favor do erro;

4º - Trabalharás durante seis dias e no sétimo dia guardarás para repouso;

5º - Honra teu pai e tua mãe, para que os teus dias prolonguem-se e tudo corra bem na terra que o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) te dá;

6º - Não matarás;

7º - Não praticarás adultério;

8º - Não roubarás;

9º - Não apresentarás falso testemunho contra o teu semelhante;

10º - Não cobiçarás a casa, a mulher, o campo nem coisa alguma que pertença ao teu semelhante.


1ª) Observação: - Do 1º ao 4º preceitos nos ensinam de que forma devemos conviver com o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças);

- Do 5º ao 10º preceitos nos ensinam de que forma devemos conviver com o semelhante.

2ª) Observação: Quem conhece o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) obedece aos seus Dez Mandamentos (O Caminho) através do comportamento próprio; e aquele que diz conhecer o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e não obedece aos seus Dez Mandamentos (O Caminho) é um mentiroso.

3ª) Observação: A verdadeira liberdade de cada espírito (alma) de uma criatura humana é realizada quando obedece aos Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, através do comportamento próprio.

4ª) Observação: Obedecer e não desobedecer aos Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) através do comportamento próprio, eis a Sabedoria e a Inteligência, respectivamente, de cada espírito (alma) de uma criatura humana.


O Sinal da Cruz

O sinal da cruz é praticado por cada criatura humana para começar a falar com o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito):

- Em nome do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças);

- Do Vosso primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) e Espírito (Alma) Puro (Santo), o Messias e irmão nosso.


Oração ao Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças) conforme ensinou o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) e Espírito (Alma) Puro (Santo), o Messias e irmão nosso:

“1- Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças);

2- Santificado é o Vosso nome IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú);

3- Venha o Vosso reino celestial;

4- Seja feita a Vossa vontade (Os Dez Mandamentos) entre o céu (infinito) e a terra;

5- Dai-nos hoje o pão nosso diário;

6- Perdoai-nos dos nossos pecados como perdoamos os que pecaram contra nós;

7- Desviai-nos da tentação e livrai-nos do mal;

8- Vosso é o reino, o poder e a glória para todo o sempre;

9- Amém. (Assim seja).”


Tradução da oração ao Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças) em aramaico ( Sacerdote Elias Khoury ):

"1- Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças), criador do sopro que emana a vida para o corpo de Vossa criatura;

2- Vós que encheis o mundo de luz e som;

3- Que a Vossa luz nos ilumine e mostre o Vosso caminho (Os Dez Mandamentos) sagrado;

4- Vosso reino celestial aproxima-se;

5- Seja feita a Vossa vontade (Os Dez Mandamentos) em nossos atos, entre o céu e a terra;

6- Dai-nos sabedoria diante da nossa necessidade diária;

7- Afrouxai as amarras dos enganos que nos prendem e livrai-nos da culpa alheia;

8- Não nos deixeis cair na tentação;

9- Nos libertai do que nos afasta da verdadeira razão;

10- De Vós vem toda a força que nos move, a música que glorifica e se renova a todo tempo;

11- Amém. (Selado (Concluído) pela Confiança (Esperança), Fé (Certeza) e Verdade (Realidade))."


"1- Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças), criador do cosmo e tudo o que nele existe;

2- Unis Vossa luz dentro de nós tornando a luz do mundo;

3- Criai Vosso reino celestial de unidade;

4- Que só a Vossa vontade (Os Dez Mandamentos) possa atuar dentro de nós e junto a nossa vontade assim como em todo o espaço de luz em toda a sua forma;

5- Fornecei para cada dia tudo o que tornamos semelhantes em alimento e entendimento;

6- Desfazei os laços dos enganos que nos prendem assim como nós liberamos as amarras com que aprisionamos os enganos dos nossos irmãos;

7- Liberai-nos das ilusões que a superfície e a aparência das coisas deste mundo nos detêm;

8- De Vós nasce toda a força que nos move, a canção que se renova a todo tempo e a tudo embeleza;

9- Possam a Vossa verdade (realidade), poder e canção ser o solo fecundo de onde cresçam todas as nossas ações;

10- Amém. (Assim seja)."


“1- Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças) que estais entre o céu (infinito) e sobre toda existência, o Altíssimo;

2- De Vós vem à vida (atividade, sopro de vida), o espírito (alma), a luz e o som que dos quais encheis o mundo;

3- Que a Vossa luz nos ilumine e mostre o Vosso caminho (Os Dez Mandamentos) sagrado;

4- Que se aproxime de nós o Vosso reino celestial e seja feita a Vossa vontade (Os Dez Mandamentos) em nossos atos;

5- Dai-nos sabedoria diante da nossa necessidade de cada dia;

6- Perdoai-nos das nossas dívidas dos pecados conforme nós perdoamos aos nossos devedores, e livrai-nos da imprudência alheia;

7- Não nos deixeis cair na tentação e libertai-nos dos que nos afastam da verdadeira razão;

8- De Vós vem toda a força que nos move, a luz e a música que se renova a todo tempo;

9- Amém. (Assim seja, pela esperança (confiança), certeza (fé) em Vossa realidade (verdade)."


"- Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) nos abençoeis e nos guardeis;

- Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) façais brilhar sobre nós a Vossa face, e compadeçais de nós;

- Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) volteis para nós o Vosso rosto e nos deis a Vossa paz;

- Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), toda a nação que vos conhece prostra-se diante de Vós porque sabe que sois a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que Vós criastes através da Vossa vontade (Os Dez Mandamentos), o Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que dependeis de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a Vossa vontade (Os Dez Mandamentos), e para Vós não existe impossível nem mistério porque criastes tudo que existe e está na Vossa UNIDADE ÚNICA."


5ª) Observação: - Por que atualmente o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) permanece silencioso diante de várias injustiças aqui na terra entre o universo debaixo do céu (infinito) desde muito tempo atrás?

Resposta- Porque desde que a criatura humana rebelde e mentirosa por sua vontade afastou-se das verdadeiras pronúncias: LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá) e IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá) do santo nome do Pai celestial, e das pronúncias MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) do santo nome do primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) vindos do próprio Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), e escolheu desobedecer aos Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) em troca de reverenciar imagens esculpidas, e evocar através de outras pronúncias de nomes e pronomes vindos da criatura humana rebelde e mentirosa, não é atendido as suas solicitações porque assim comporta-se; portanto para evocar o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) é preciso que seja por estas verdadeiras pronúncias vindas do próprio Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), e não reverenciar imagens esculpidas nem evocar através de outras pronúncias de nomes e pronomes vindos da criatura humana rebelde e mentirosa.


Frases que Afastam a Tentação do Nosso Inimigo (Pecado):

- Eu sou do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) que está entre o céu (infinito) e sobre toda existência, o Altíssimo, e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, que provou ser a presença do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas, o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito);

- A paixão é uma ação (mensageiro) de amor independente e inatingível que atinge de surpresa o sentimento de cada espírito (alma) de uma criatura em momento que admira outra criatura, independente da vontade e idade de cada espírito (alma) vivendo entre o universo debaixo do céu (infinito), e que pode contagiar através dos olhos a criatura admirada;

- Não te deixes seduzir através do teu sentimento e dos teus olhos que te levam a desobedecer aos Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso;

- Cada espírito (alma) de uma criatura humana deve livrar-se dos ídolos, ou deuses, feitos através da criatura humana e instalados entre o sentimento, e do que, constantemente diante dos olhos, o leva a cair em pecado (inimigo);

- Não detenha o olhar na beleza superficial, ou aparente, das coisas deste mundo debaixo do céu (infinito) porque tudo é transitório exceto a luz do sol que se renova a todo tempo e este é um motivo de alegria até chegar o último dia do tempo;

- Não seja igual a cada espírito (alma) de uma criatura humana que se prevalece da aparência e não do que há entre o sentimento de cada espírito (alma) de uma criatura humana;

- Beleza aparente desencaminha, e concupiscência do sentimento de cada espírito (alma) de uma criatura humana desvirtua;

- Livra-te do engano que a superfície e a aparência das coisas deste mundo te prendem através do teu sentimento;

- Não te prostituas nem sigas a inclinação do teu sentimento e dos teus olhos que te levam à maldição;

- Cada espírito (alma) de uma criatura humana que se entrega ao pecado (inimigo) é seu escravo;

- Cada espírito (alma) de uma criatura humana, não se deixe mover através da tentação do mal;

- O MAU NADA TEM EM MIM (ESPÍRITO (ALMA) PURO (SANTO));

- Enganosa e fugaz é a beleza aparente das coisas deste mundo debaixo do céu (infinito);

- O amor ao dinheiro é a raiz de todo mal.

6ª) Observação: Repetir a leitura das frases acima escritas quantas vezes for necessário para o afastamento da tentação do nosso inimigo (pecado).


Cântico ao Pai Celestial IH (IH) ( יה ) (iá), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças)


Aleluiá (Agradeço a IH (IH) ( יה ) (iá), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú)):


Aleluiá, Aleluiá, Aleluiá, Aleluiá

Respira-lo e tocá-lo em toda a terra

Todos cantando os Dez Mandamentos (O Caminho) de IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú)

Todos os santos (puros) e mensageiros na luz esperam

IHOSHUA (io-xuá) e seus filhos que estão voltando em breve

Aleluiá, Aleluiá, Aleluiá, Aleluiá


Eu acredito em nosso criador o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e em seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), a nossa Salvação do pecado (inimigo):


Eu acredito com esperança (confiança) e amor

Em nossa Salvação ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá)

O Messias e irmão nosso

E o primeiro filho do Pai celestial

IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças)

O Altíssimo

Sobre toda existência

Que está no céu (infinito).


Desde sempre e para sempre é o nosso criador

Do céu (infinito) e universo debaixo do céu (infinito)

Eu acredito com amor

Bendito é IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú)

Dos exércitos (forças)

O Altíssimo

Sobre toda existência

Que está no céu (infinito).




Hino ao Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças):


1- Cantarei a IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o nosso criador, porque mostrou sua boa vontade;

2- Arrastou para o mar os cavalos e cavaleiros;

3- IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), nosso criador, é a minha força e a causa do meu cântico, foi IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) quem me salvou;

4- IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), nosso criador, eu o agradecerei e o bendirei;

5- IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), nosso criador, é o vencedor das diferenças;

6- Enviou para o mar os carros do inimigo e o seu exército, a tropa privilegiada do exército inimigo afogou-se entre o mar Vermelho, o abismo os cobriu, afundaram-se nas águas como pedra;

7- A justiça de IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) mostrou sua força;

8- A justiça de IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) destruiu o inimigo;

9- A grandeza absoluta (única) de IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) vence seus inimigos, através da força de IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) os seus inimigos são destruídos como palha;

10- Ao sopro da força de IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) amontoaram-se as águas, levantaram-se as ondas como muralha, solidificaram-se as grandes ondas entre o meio do mar;

11- Dizia o inimigo: perseguirei, alcançarei, repartirei o vencido por mim, desembainharei a espada, minha injustiça os destruirá;

12- Ao sopro da força de IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) o mar o sepultou, cobriu de água como chumbo na grandeza das águas;

13- Quem entre os deuses é semelhante à IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú)? Quem é semelhante à IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) luminoso por sua pureza, temível por seus feitos merecedores de agradecimento, e que realiza milagres? Apenas atingiu o inimigo, e a terra o destruiu;

14- IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), nosso criador, conduziu com bondade esse povo que libertou, e com seu poder o guiou à sua morada santa (pura);

15- Ao ouvir isso estremeceram os povos;

16- Um medo grande dominou os filisteus, os chefes de Edom ficaram com grande medo, a preocupação dominou os valentes de Moab, tremeram de medo todos os habitantes de Canaã;

17- Caíram sobre eles grande medo, inquietação e tristeza, o poder de IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) os petrificou até que tivesse passado o povo que IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) adquiriu;

18- IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), nosso criador, o conduzirá e o estacionará na montanha que lhe pertence, entre o lugar que preparou para a sua habitação, em lugar santo (puro) que suas forças construíram;

19- IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), nosso criador, é rei para sempre sem fim!

1- Cantarei a IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o nosso criador, porque mostrou sua boa vontade;

2- Arrastou para o mar os cavalos e cavaleiros;

3- IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), nosso criador, é a minha força e a causa do meu cântico, foi IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) quem me salvou.




7ª) Observação: Não acredite em criatura humana que reverencia imagens esculpidas e evoca pronúncias de nomes e pronomes diferentes das pronúncias do verdadeiro nome do Pai celestial: LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá) e IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá), e das pronúncias do verdadeiro nome do seu primeiro filho: MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, que foram reveladas através do próprio Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e não através da criatura humana.

8ª) Observação: Toda imagem esculpida de ídolos, ou deuses, feita através da criatura humana é manifestação de desobediência ao Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) se este não solicitou a construção da imagem.


9ª) Observação: Os significados dos nomes do Pai celestial LI (ELIA) ( אליא ) (eli), LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai), IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), IH (IH) ( יה ) (iá), IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá), e dos nomes do seu primeiro filho MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel), ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá):

LI (ELIA) ( אליא ) (eli) (presença da existência do espírito (alma) infinito (IH) entre o finito);

LSDI (ALSHADAI) ( אלשאדאי ) (alxadai) (providência da presença da existência do espírito (alma) infinito (IH) entre o finito);

IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) (eu sou o que é), (eu sou o que sou), (eu sou quem eu sou), (eu sou aquele que sou), (eu sou o é do que é), (eu sou o ser do que é);

IH (IH) ( יה ) (iá) (eu sou);

IHVSV (IAHUSHUA) ( יאהושוע ) (ia-rru-xuá) (IAHU salva), (IAHU é salvação).

MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) (conosco a presença da existência do espírito (alma) infinito (IH) entre o finito);

ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) (eu sou salvação).


10ª) Observação: O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) provou está presente entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, em sua vivência entre as criaturas humanas, e quando estava levantado entre o céu e a terra pregado através dos braços erguidos e através dos pés sobre um tronco vertical de madeira, fez a revelação completa da sua condição única (absoluta), dizendo: IH (IH) ( יה ) (iá) (eu sou) o Caminho (Os Dez Mandamentos), a Verdade (Realidade) e a Vida (Atividade, Sopro de Vida); e assim sobre si mesmo realizou a justificação da nova aliança do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) em favor das criaturas humanas pecadoras, cuja aliança é o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito); o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) por ser a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos), e para si mesmo não existe impossível nem mistério, conhece e vê o que sente e sentirá o espírito (alma) de cada sua criatura; portanto assim aconteceu em tempo passado da primeira convivência presente do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas.


11ª) Observação: É só através do santo nome ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), do Messias e irmão nosso, o único caminho (Os Dez Mandamentos) que devamos ser salvos do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo e por onde aprendamos a nascermos (virmos) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito); e por nenhum outro nome dado a conhecer seremos salvos conforme ensinou e provou o Messias ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) as criaturas humanas entre o universo debaixo do céu (infinito).


12ª) Observação: As duas primeiras criaturas humanas com os nomes de Adam e Hava (Rava) contraíram o pecado (inimigo) e a condição mortal que incluiu sua descendência e toda a criatura inferior a humana por consequência de desobedecerem à instrução de como comportar-se feita através do seu criador, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), entre o Paraíso terrestre (próximo do atual lugar onde fica o país do Iraque) onde viviam, e assim perderam a condição de viverem eternos entre o universo debaixo do céu (infinito), e cada espírito (alma) de sua descendência nasceu, ou incorporou-se, em uma condição mortal predestinado a morrer, ou a desincorporar-se da condição mortal, ou a retornar ao céu (infinito), mas serão salvos do pecado (inimigo) através da nova aliança do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) vinda em nome do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito).


Do apóstolo Paulo aos irmãos através do Messias ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças)

Os Frutos do Espírito (Alma):

- Obediência (Fidelidade);

- Longanimidade;

- Autodomínio;

- Benignidade;

- Mansidão;

- Bondade;

- Alegria;

- Amor;

- Paz.

13ª) Observação: Contra essas coisas acima escritas, não existe lei; pois os que são do Messias ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) crucificaram as suas concupiscências com suas paixões e desejos. Se vivemos através do espírito (alma) ordenamos também o nosso comportamento conforme os Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) enquanto cada um de nós estiver incorporado em um corpo carnal (pó da terra) de condição mortal entre o universo debaixo do céu (infinito), e não sejamos cobiçosos de vanglória, provocando-nos uns aos outros e invejando-nos uns aos outros porque cada espírito (alma) de uma criatura humana está em uma situação diferente de viver conforme a consequência do comportamento próprio diante do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá); portanto lembremos de cuidar do nosso comportamento conforme os Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), e que não temos o poder de passar além de criaturas humanas de um mesmo criador, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças), que criou todo o universo.


Manifestação do Comportamento Escravo da Concupiscência:

- Libertinagem;

- Bebedeiras;

- Discussões;

- Fornicação;

- Impureza;

- Feitiçaria;

- Discórdia;

- Idolatria;

- Divisões;

- Invejas;

- Ciúmes;

- Orgias;

- Ódio;

- Rixa;

- Ira;

- E coisa semelhante a estas acima escritas, previna-se!

14ª) Observação: Os que praticam estas coisas acima escritas não herdarão o reino do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú); e quanto às criaturas humanas perversas e impostoras, elas progredirão através do mal, enganando e sendo enganadas, e cada espírito (alma) de uma criatura humana receberá a consequência do comportamento próprio diante do seu criador, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), que tudo vê, que a criatura humana entre o universo debaixo do céu (infinito) acredite, ou não, porque já foi provado através do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) quando estava vivendo em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas.


15ª) Observação: Cada espírito (alma) de uma criatura humana por si mesmo pode escravizar-se através da ilusão da superfície e aparência das coisas transitórias deste mundo debaixo do céu (infinito).


16ª) Observação: O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o único (absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos), e para si mesmo não existe impossível nem mistério; portanto o sentimento mais íntimo de cada espírito (alma) de uma criatura humana está diante do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, que a criatura humana entre o universo debaixo do céu (infinito) acredite, ou não, porque já foi provado através do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) quando estava vivendo em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas.


17ª) Observação: Antes da existência de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, já existia o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), cujo filho descendeu predestinado a nascer, ou a incorporar-se, em uma fecundação material entre o corpo carnal (pó da terra) de condição mortal de uma criatura humana denominada Míriam entre o planeta terra provocado através do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), por ter prometido a Davi rei de Israel em tempo passado, para cumprir uma missão de justificação da nova aliança do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) formada através dos seus Dez Mandamentos (O Caminho) e sacrifício do seu primeiro filho na cruz em favor das criaturas humanas pecadoras entre o universo debaixo do céu (infinito), cuja aliança é o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito); e para mostrar a todo o universo que a lei dos Dez Mandamentos (O Caminho) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é imutável; pois o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) não veio aniquilar a lei dos Dez Mandamentos (O Caminho) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e sim cumpri-la diante do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e de todo o universo aceitando recair sobre si mesmo a penalidade da lei dos Dez Mandamentos (O Caminho) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) através do seu sacrifício na cruz em favor das criaturas humanas pecadoras para realizar sobre si mesmo a justificação da nova aliança do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre as criaturas humanas pecadoras; e através de arrependimento e consciência de cada espírito (alma) de uma criatura humana pecadora prevalecer sobre o poder (incontinência) do pecado (inimigo), e demonstrar a todo o universo que a justiça e o perdão são os fundamentos do governo do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças).


18ª) Observação: Desde as primeiras criaturas humanas denominadas Adam e Hava (Rava), os seus descendentes não estão sozinhos entre o universo debaixo do céu (infinito) porque o seu criador, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), observa-os permanente, mas é preciso que os descendentes de cada criatura humana nasçam novamente, sendo que desta vez não é nascer da vontade da carne (pó da terra) e do sangue e sim da vontade (Os Dez Mandamentos) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito), cujo nascimento é os descendentes de cada criatura humana começarem através do comportamento próprio a obedecer aos Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, a nossa Salvação do pecado (inimigo).


19ª) Observação: Existia harmonia entre o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e as suas criaturas humanas denominadas Adam e Hava (Rava) em comportar-se de acordo com a instrução feita através do seu criador entre o Paraíso terrestre (próximo do atual lugar onde fica o país do Iraque) onde viviam, mas perderam essa harmonia depois que Hava (Rava) e Adam desobedeceram a referida instrução, e tornaram-se pecadores (inimigos); o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) enviou à terra o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas para salvar suas criaturas humanas do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e ensinar a nascerem (virem) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito); e assim acontece a quem através do comportamento próprio o obedecer conforme ensinou: Cada espírito (alma) de uma criatura humana amar o semelhante e o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) sobre toda existência, conforme relata os Dez Mandamentos (O Caminho).


Gileno Correia dos Santos (Servo do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, a nossa Salvação do pecado (inimigo)).

http://www.escrita.com.br/escrita/leitura.asp?Texto_ID=3401


Lembre-se também:

- “Negue a si mesmo de realizar o mal, pegue a sua cruz e siga-me”, assim ensinou o Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), a nossa Salvação do pecado (inimigo);

- Para livrarmos do mal precisamos lutar por meio da meditação contra a inclinação que possuímos de fazermos o mal, desse modo negamos a nós mesmos de realizarmos o mal.


Levante a Cabeça, Sorria e Não Chora:

1- Deixe o interesse do que lhe impede de ter acesso a sua salvação do pecado (inimigo) e tenha do que ainda pode alcançar para receber o perdão e a sua Salvação dos seus pecados através do Messias e irmão nosso ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), a nossa Salvação do pecado (inimigo);

2- Não detenha o olhar na beleza superficial, ou aparente, das coisas deste mundo debaixo do céu (infinito) porque tudo é transitório exceto a luz do sol que se renova a todo tempo e este é um motivo de alegria até chegar o último dia do tempo;

3- Ninguém é livre se não conseguiu ainda o controle do comportamento próprio que é o maior tesouro neste universo debaixo do céu (infinito) onde vivemos;

4- Não confie a vida em nenhum mortal porque a vida que o anima se prende a um sopro de vida criado através do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos);

5- A criatura humana, que acredite, ou não, não é a única que sabe do mais íntimo pensamento, ou sentimento, do comportamento próprio porque também sabe o seu criador, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), que está oculto através do sopro de vida em cada criatura humana conforme foi provado através do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, quando estava vivendo em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas;

6- O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é a verdade (realidade) de toda existência, a única existência própria e infinita, a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos);

7- O Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) enviou ao planeta terra o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) com a missão de salvar a humanidade do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e ensinar a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito);

8- Desde o seu nascimento, você não está sozinho entre o universo debaixo do céu (infinito) porque o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), o criador de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, lhe observa permanente, que a criatura humana acredite, ou não, porque já foi provado através do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, quando estava vivendo em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas;

9- O significado de humildade é ter consciência do comportamento próprio e não fazer-se de mendigo;

10- A criatura humana é livre para fazer o que quiser e prisioneiro da consequência do que fizer;

11- Livra-te do engano que a superfície e a aparência das coisas deste mundo debaixo do céu (infinito) te prendem através do teu sentimento;

12- Quem conhece o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) obedece aos seus Dez Mandamentos (O Caminho) através do comportamento próprio; e aquele que diz conhecer o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e não obedece aos seus Dez Mandamentos (O Caminho) é um mentiroso;

13- Cada espírito (alma) de uma criatura humana deve livrar-se dos ídolos, ou deuses, feitos através da criatura humana e instalados entre o sentimento, e do que, constantemente diante dos olhos, o leva a cair em pecado (inimigo);

14- Mais importante do que a roupa e o alimento são o corpo e a vida, respectivamente;

15- Cada espírito (alma) de uma criatura humana vive em liberdade quando consegue comportar-se de acordo com os Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso;

16- - Cada espírito (alma) de uma criatura humana que se entrega ao pecado (inimigo) é seu escravo;

17- A vontade e o caminho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) são os seus Dez Mandamentos.


Limpa o Teu Sentimento:

1- Limpa o teu sentimento da maldade para conseguir a tua salvação do pecado (inimigo), ou até quando abrigarás pensamento entre o sentimento que te causa a perda da tua salvação do pecado (inimigo)?

2- É o teu comportamento pecaminoso que te causa catástrofe, sofrimento que te maltrata através do teu sentimento, eis o fruto de tua malícia; não sejas sem juízo diante da verdade (realidade) de toda existência, cuja verdade (realidade) é aquele que para si mesmo não existe mistério e que tem por nome IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), e acredite em seu primeiro filho denominado ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, a nossa Salvação do pecado (inimigo);

3- Não deixe o sentimento seduzir-se nem seguir as atrações dos teus olhos que te levam ao pecado (inimigo);

4- Enganosa e fugaz é a beleza aparente das coisas deste mundo debaixo do céu (infinito), previna-se!

5- Não te prostituas nem sigas a inclinação do teu sentimento e dos teus olhos que te leva à maldição;

6- Não seja igual a cada espírito (alma) de uma criatura humana que se prevalece da aparência e não do que há entre o sentimento de cada espírito (alma) de uma criatura humana;

7- Israel e toda nação, lembre-se: O IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) vivente e criador de todo o universo é a UNIDADE ÚNICA que contém toda existência que a própria UNIDADE ÚNICA criou através da sua vontade (Os Dez Mandamentos), o Único (Absoluto) que desde sempre e para sempre é o que é, onipotente, onisciente, onipresente e que depende de si próprio para ser, existir, viver, fazer acontecer conforme a sua vontade (Os Dez Mandamentos); portanto toda existência está na UNIDADE ÚNICA do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças);

8- O Messias ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), antes de sua ressurreição entre o planeta terra era também o próprio Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) que se fez carne (pó da terra) em uma única forma individual de criatura humana entre as criaturas humanas conforme o mesmo Messias ensinou e provou as criaturas humanas;

9- O reino do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) é vindo em uma única forma individual de criatura humana do seu primeiro filho denominado MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, entre as criaturas humanas e o universo debaixo do céu (infinito), cujo filho existe antes da criação de vida (atividade, sopro de vida), espírito (alma), do céu (infinito), da terra e tudo o que nela existe, e quem o obedecer através do comportamento próprio deve confessar os seus pecados diante do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) porque não há outra forma de vir a criatura humana ao reino do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) dos exércitos (forças);

10- Não serve para viver quem através do comportamento próprio não obedece aos Dez Mandamentos (O Caminho) do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e do seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá), o Messias e irmão nosso, a nossa salvação do pecado (inimigo);

11- Através do fim dos tempos surgirá outra vez a verdade (realidade) de toda existência, o Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) e o seu primeiro filho ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá); e lembremos que o fim dos tempos começou desde a primeira vinda do Messias e irmão nosso denominado MNVL (EMANUEL) ( עמנואל ) (emanuel) e ISV (IASHUA) ( יאשוע ) (iá-xuá) ao planeta terra, o primeiro filho do Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú), cujo filho sofreu e morreu em uma cruz, e ao terceiro dia ressuscitou através do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) para justificar e salvar toda a criatura humana pecadora que através do comportamento próprio obedece aos Dez Mandamentos (O Caminho) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) por ser o único caminho (Os Dez Mandamentos) para a Salvação de cada espírito (alma) de uma criatura humana do pecado (inimigo), engano, da geração perversa, condição mortal, destruição do mundo, e que ensina a nascer (vir) novamente da vontade (Os Dez Mandamentos) do seu Pai celestial IHV (IAHU) ( יאהו ) (iá-rrú) entre o universo debaixo do céu (infinito).


Biografia:
Pesquisador

Este texto é administrado por: Gileno Correia dos Santos.
Número de vezes que este texto foi lido: 48112


Outros títulos do mesmo autor

Artigos IHV (IAHU) e ISV (IASHUA) Gileno Correia dos Santos


Publicações de número 1 até 1 de um total de 1.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 69501 Visitas
A Arte De Se Apaixonar - André Henrique Silva 55938 Visitas
IHV (IAHU) e ISV (IASHUA) - Gileno Correia dos Santos 48112 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 44670 Visitas
Minha namorada - Jose Andrade de Souza 44311 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 43934 Visitas
Amor e Perdão - Amilton Maciel Monteiro 43215 Visitas
viramundo vai a frança - 43090 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 41910 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 41565 Visitas

Páginas: Próxima Última