Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
Jean Wyllys e Valdeck Almeida lançam livros em Jequié/BA
A Cidade Sol recebe Jean Wyllys para noite de autógrafos
Valdeck Almeida de Jesus

Resumo:
O escritor e poeta baiano, Valdeck Almeida de Jesus, já com vários livros publicados, inclusive nos Estados Unidos, está promovendo uma antologia de poesias para autores novos. Valdeck, natural de Jequié/BA, vivendo há dez anos em Salvador, capital do estado, é conhecedor da luta insana dos escritores novos para serem lançados no mercado editorial. Ele próprio enfrentou o paredão por mais de vinte anos, até conseguir publicar o seu primeiro livro "Feitiço Contra o Feiticeiro", de poesias, pela Scortecci Editora, de São Paulo, em 2005. Engajado na arte de escrever, através da qual denuncia os problemas sociais e preconceitos por que passam todos nós brasileiros, ele se propôs a lançar no mercado editorial, a cada ano, o máximo de escritores e poetas que pudesse reunir em uma antologia. A primeira edição desse trabalho de gigante já se encontra em fase de lançamento, em evento que se realizará dia 11.10.2006, no Centro de Cultura de Jequié/Ba, às 19:30hs, com presença confirmada do escritor e jornalista Jean Wyllys. Valdeck esclarece que já se encontra em andamento as inscrições para quem quiser participar da segunda edição da antologia, com informações no site www.literaturaecritica.blogspot.com. O custo de edição e publicação do livro é pago pelo seu organizados, que cobra apenas uma pequena taxa dos autores participantes. A novidade é que os poetas baianos, residentes no interior daquele estado não pagarão taxa para participar do livro, mas receberão exemplares para venda ou divulgação entre os amigos. Essas duas primeiras edições já têm nova data de lançamento, que será durante a realização da 8ª Bienal do Livro da Bahia, no Centro de Convenções da Bahia, em setembro de 2007.

Dois autores, muitas histórias
Jean Wyllys e Valdeck Almeida de Jesus

Não é à toa que Jean Wyllys e Valdeck Almeida de Jesus são presenças mais do que necessárias na palestra motivacional que tem por tema “Como Reescrever Bem a Nossa História” e acontecerá no próximo dia 10 de outubro no Centro de Cultura ACM, em Jequié, onde os autores estarão também autografando seus livros: “Ainda Lembro” (Jean Wyllys) e “Memorial do Inferno”, “Primeira Antologia”, “Jamais Esquecerei do Brother Jean Wyllys”, “Feitiço Contra o Feiticeiro” (Valdeck Almeida de Jesus).

Reescrever a própria história, muito mais do que publicá-la, é tarefa que exige ousadia e arte, como é o caso desses dois autores, que enfrentaram as agruras impostas pelo preconceito e pelas implacáveis leis de sobrevivência num país de tantas desigualdades, e mudaram o rumo de seus destinos. Ao reescreverem suas histórias – muitas histórias – e compartilharem-nas com uma diferente gama de leitores, eles reescrevem também a esperança e um pedaço da realidade brasileira, desconhecida por uns e familiar a outros. E a primeira exclamação que se faz ao final das páginas dessas vidas é: “É possível ! “

O que Jean e Valdeck têm em comum? Antes de tudo, são guerreiros que não se rendem fácil, uma espécie de heróis de si mesmos, que se superam na arte de abrir caminhos e vencer pela coragem e pela expansão da mente. São também dois nordestinos tinhosos, do interior da Bahia, de origem humilde, que a vida transformou precocemente em arrimos de família.

A admiração de Valdeck por Jean Wyllys levou-o a fundar um fã-clube dedicado ao ex-BBB, em maio de 2005, e a investir na divulgação de sua imagem e trabalho. O fã-clube conta com um acervo de mais de 3.000 fotos digitais, DVDs de matérias apresentadas por Jean Wyllys no programa “Mais Você”, de Ana Maria Braga (TV Globo), matérias de sua autoria publicadas na Revista G Magazine e em diversas mídias, impressas e digitais, além de um livro com mensagens de fãs de todo o Brasil e do mundo. Para Valdeck, Jean é um exemplo de talento, garra e autenticidade a ser seguido.

A palestra que farão juntos é uma boa oportunidade não só para conhecer mais de perto o trabalho desses dois baianos, como também para estimular aqueles que pretendem um dia reescrever a própria história. Uma grande história é sempre feita de muitas histórias, escrita com as palavras da vida e reescrita com força e amor.


Os Autores:

Jean Wyllys

É o quarto filho de Dona Inalva, mulher forte e batalhadora. Nasceu em 10 de março de 1974, sob o signo de Peixes e recebeu o nome Wyllys de uma homenagem do pai, Sr. José Dias, pintor de automóveis e apaixonado pelo veículo Aero Wyllys.
Natural de Alagoinhas/BA, cidade distante 107 km de Salvador, Jean enfrentou dificuldades diversas em sua vida, mas conseguiu dar a volta por cima e mostrar ao Brasil inteiro que ainda vale a pena ser honesto, ter bom caráter e lutar por um lugar ao sol. Sempre foi um menino dedicado aos estudos, acordava cedo para preparar a mochila de livros e sair para a escola. Estudou na Escola Maria José Bastos e no Polivalente, ambas em Alagoinhas, onde sempre foi um garoto de destaque, sendo exemplo para os amiguinhos e para os irmãos. Trabalhou vendendo algodão-doce, depois numa gráfica da cidade para ajudar a família e também prestou serviços como office boy de um banco por dois anos, ainda em Alagoinhas. Sabia que teria que estudar muito para vencer na vida e por isso fez o teste da Fundação José Carvalho, em Pojuca, passou, para onde mudou-se para estudar, ficando ali até os dezoito anos de idade em regime de internato. Concluído o segundo grau, mudou-se para Salvador, onde pretendia fazer jornalismo. Esforçado, passou no vestibular e concluiu o curso. Fez mestrado em Letras e passou a dar aulas. Especializou-se em cultura brasileira e baiana. Na capital baiana enfrentou vida difícil, principalmente a falta da família. Morou em apartamento dividido com amigos, depois trouxe a irmã Joseane para a capital com quem dividiu apartamento por muitos anos, até ser chamado para o Big Brother Brasil 5. Antes da fama foi professor universitário e jornalista. Vencedor do Prêmio Copene de Cultura e Arte, em 2001 lançou seu primeiro livro de contos Aflitos pela Fundação Casa de Jorge Amado. Após sair vencedor do BBB5, lançou seu mais novo livro Ainda Lembro, que reuniu lembranças da vida no confinamento e contos de “Aflitos”: foi o debut do Jean para o Brasil. O livro, em poucos meses, ocupou um dos primeiros lugares na lista dos mais vendidos. Mas Jean não parou por aí: atacou de modelo para uma grife brasileira, colunista de uma revista masculina, jornalista para o programa Mais Você, de Ana Maria Braga, padrinho de parada gay, diretor de documentário sobre travestis, apresentador do programa Amigas Invisíveis, na Rádio Globo AM São Paulo, e muito mais.
Bom filho, bom irmão, amoroso e fiel às suas origens, mantém contato diário com a família, apesar de morar no Rio de Janeiro por causa do trabalho.

Valdeck Almeida de Jesus
Nasceu em Jequié, em 15 de março de 1966 - também sob o signo de Peixes -, em uma família rica de crianças e carente de todos os recursos básicos para educá-las. Faltava tudo: onde morar, o que comer, estudo e remédio. Só não faltava amor e uma capacidade imensa de sobreviver a todas as dificuldades. Era difícil sonhar alto diante de tantas limitações. Ficou órfão de pai aos 16 anos, persistiu. O poeta e escritor conta que sua mãe era daquele tipo de mulher típica do interior, cheia de sabedoria popular e muito digna, que apesar da fome não admitia que os filhos chegassem em casa com alguma coisa que não lhes pertencesse. Seguindo o exemplo, quando passou a chefiar a família, uma manhã Valdeck reuniu os irmãos e avisou que, daquele dia em diante, só comeria quem arrumasse trabalho. No final do dia todos chegaram em casa com algum tipo de serviço. Para garantir o sustento de nove bocas, fez de tudo um pouco. Trabalhou como cobrador de ônibus, balconista, vendedor ambulante, carregador de compras em feira livre, limpou o quintal dos outros em troca do necessário para comer. Morando em casas de aluguel, Valdeck não tinha sequer o direito de fazer amigos. Toda vez que o aluguel vencia, tinha de se mudar para outro lugar e assim, errando feito cigano, mal tinha tempo de conhecer os outros garotos da vizinhança. A limitação dos tempos de menino acabou virando a austeridade do homem maduro. Hoje, embora tenha condições de ter tudo o que deseja para viver com conforto, Valdeck prefere ter a casa decorada com muita simplicidade, com o mínimo possível de objetos impedindo a sua criação de escritor. Aprendeu na prática o ideal perseguido por todos os filósofos: viver somente com o essencial.
O gosto pelas letras levou Valdeck aos primeiros poemas, e o incentivo de uma amiga ao desafio de escrever uma obra biográfica: “Memorial do Inferno - A saga da família Almeida no Jardim do Éden”, cuja renda auferida com a venda da primeira edição do livro, foi doada por Valdeck às Obras Sociais Irmã Dulce (Osid). Atualmente, Valdeck divide suas atividades entre a literatura, um cargo em órgão público e as colunas que assina para os sites www.farofadigital.com.br, www.zonamix.com.br e www.radarmix.com .

Livros publicados: “Heartache Poems. A Brazilian Gay Man Coming Out from the Closet”, Editora iUniverse, New York, USA, 2004; (poemas); “Feitiço Contra o Feiticeiro”, Editora Scortecci, São Paulo, 2005; “Memorial do Inferno. A Saga da Família Almeida no Jardim do Éden”, Editora Scortecci, São Paulo, 2005; (autobiografia romanceada); “Jamais Esquecerei do Brother Jean Wyllys”, Casa do Novo Autor Editora, São Paulo, 2005; Livro de poemas, orações, crônicas e mensagens em homenagem ao escritor e jornalista Jean Wyllys Matos.

O Evento

Palestra Motivacional: “Como Reescrever a Própria História”
Palestrantes: Jean Wyllys e Valdeck Almeida de Jesus

O Centro de Cultura ACM, em Jequié, no dia 11 de outubro de 2006, a partir das 19:30 horas, receberá os escritores Jean Wyllys e Valdeck Almeida de Jesus para o lançamento de seus livros e para uma palestra motivacional, cujo tema será "Como reescrever bem a nossa história".

Jean Wyllys lançará “Ainda Lembro” e Valdeck Almeida de Jesus lançará “Memorial do Inferno. A Saga da Família Almeida no Jardim do Éden”, “Primeira Antologia Valdeck Almeida de Jesus”, “Jamais Esquecerei do Brother Jean Wyllys” e “Feitiço Contra o Feiticeiro”. Em seguida, proferirão palestra motivacional, patrocinada pelo Rotary Clube de Jequié.

Mais informações: www.jeanwyllys.com ou através do e-mail do promotor do evento: Albino Rocha: rocha_albino@yahoo.com.br e Felipe Mendes pelos telefones 73 3525 1599



Site do Fã Clube de Jean Wyllys
fundado por Valdeck Almeida de Jesus

www.jeanwyllys.com

***


Biografia:
VALDECK ALMEIDA DE JESUS é funcionário público federal, nasceu a 15 de fevereiro de 1966 em Jequié/BA, onde viveu até aos seis anos de idade, quando foi residir na Fazenda Turmalina (região de Itagibá/BA), onde continuou a estudar em escola pública até os 12 anos de idade. Aluno exemplar retornou a Jequié/Ba para se matricular na 5ª série do primeiro grau, em escola pública. Ingressou nas Faculdades de Enfermagem e de Letras, da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia em 1990; na Faculdade de Turismo, na Faculdade São Salvador, não concluindo os cursos. Reside em Salvador, desde fevereiro de 1993. Atualmente faz o curso de Jornalismo na Faculdade Social da Bahia. Na capital, fez cursos de informática, teatro, relações humanas e fotografia. Fez, ainda, curso de espanhol durante dois meses em Madri (Espanha), Santa Elena de Uairen (Venezuela), Puerto Iguazu (Argentina), Ciudad del Este (Paraguay) e La Habana (Cuba) e de inglês por três anos em Salvador, complementado por curso intensivo de três meses em Nova York, Estados Unidos. Prêmios Literários: a) Menção Honrosa em 1989 no 1° Concurso Nacional de Poesia, promovido pelo Instituto Internacional da Poesia, de Porto Alegre/RS b) e no Concurso Literário Oswald de Andrade, promovido pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, em 1990, na cidade de Jequié/BA c) Classificação no concurso literário Bahia de Todas as Letras, promovido pela Universidade Estadual de Santa Cruz, em Ilhéus/Ba, no ano de 2007, com o conto “Eu e o Word”, com nota 7 (sete) d) Classificação no concurso literário realizado pelo Sindicato dos Trabalhadores no Poder Judiciário Federal da Bahia, com a crônica “Alice”, no ano de 2007, em Salvador/BA e) Destaque no XII Concurso de Poesias, Contos e Crônicas realizado em 2007 pela ALPAS XXI, em Cruz Alta/RS com o texto “Minha paixão por livros”. Participa das antologias: “Poetas Brasileiros de Hoje –1984”, Shogun Arte, Rio de Janeiro, 1984; “Transcendental”, publicado em Salvador em 1996, pela Editora Gráfica da Bahia; “II Antologia Cultural: 500 Anos de Língua Portuguesa no Brasil”, Clube de Letras, Barra Bonita/SP, 2005; “Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos 14º volume”, Câmara Brasileira de Jovens Escritores, Rio de Janeiro, 2005; “Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos 15º volume”, Câmara Brasileira de Jovens Escritores, Rio de Janeiro, 2005; “Letras Libertas - Contos, Crônicas e Poesias - Vol 2”, Ilha das Letras, Santa Catarina, 2005; “XV Concurso Internacional Literário de Verão”, Agiraldo, São Paulo, 2005; “Palavras que Falam”, Scortecci, São Paulo, 2005; “Todas as Formas de Amar”, Casa do Novo Autor, São Paulo, 2005; “O Amor na Literatura”, São Paulo, Casa do Novo Autor, 2005; “Livro de Ouro da Poesia Brasileira Contemporânea”, Câmara Brasileira do Jovem Escritor, Rio de Janeiro, 2005; “VII Antologia Nau Literária”, Komedi, São Paulo, 2005; “Ensaios Poéticos”, Academia Virtual Brasileira de Letras, 2005; “Poetry Vibes”, Poetry Vibes, Ohio, USA, 2005; “Ação e Reação. Pequenos Contos”, AVBL, São Paulo, 2005 (livro eletrônico); “Ensaio Poético. Natureza. Vida”, AVBL, São Paulo, 2005 (livro eletrônico); “Meu País é Este”, AVBL, São Paulo, 2005 (livro eletrônico); “20 Anos de Poesia – Caderno 32”, Oficina, Rio de Janeiro, 2005; “Pérgula Literária – VII”, EVSA, Rio de Janeiro, 2005; “Sangue, Suor e Lágrimas”, Arnaldo Giraldo, São Paulo, 2006; “Palavras Libertas”, Roma, Uberlândia/MG, 2007; “Amor, Sublime Amor”, Litteris, Rio de Janeiro, 2006; “XI Coletânea Komedi”, Komedi, Campinas, 2007; “Letras Intimistas”, aBrace, Montevidéu (Uruguay), 2007; “Primavera de 2006 – Inverno de 2007”, Via Litterarum e Editus (UESC), Itabuna/Ilhéus, 2007. Livros publicados de forma independente: “Heartache Poems. A Brazilian Gay Man Coming Out from the Closet”, iUniverse, New York, USA, 2004; Este livro reúne poesias de desabafo, muitas delas dedicadas a mulheres, quando na verdade o escritor falava de seus amores secretos, namorados homens. “Feitiço Contra o Feiticeiro”, Scortecci, São Paulo, 2005; Livro de poesias. “Memorial do Inferno. A Saga da Família Almeida no Jardim do Éden”, Scortecci, São Paulo, 2005; Conta a história da família do escritor Valdeck Almeida de Jesus, que enfrentou a fome e a miséria por mais de vinte anos e venceu. 100% da renda do livro foi doada às Obras Sociais Irmã Dulce. “Memorial do Inferno. A Saga da Família Almeida no Jardim do Éden”, Giz, São Paulo, 2007; 20% da renda do livro foi doada às Obras Sociais Irmã Dulce. Editor da “1ª Antologia Poética Valdeck Almeida de Jesus”, Casa do Novo Autor, São Paulo, 2006; “Jamais Esquecerei do Brother Jean Wyllys”, Casa do Novo Autor, São Paulo, 2005; “Poemas Que Falam”, Casa no Novo Autor, São Paulo, 2007. Trabalhos Diversos a) Expositor, como escritor independente, na Bienal do Livro da Bahia, em 2005 e 2007. b) Expositor no III Corredor Literário da Paulista, de 09 a 14 de outubro de 2007, em São Paulo/SP c) Participação no V Fórum Social Mundial, em Porto Alegre/RS, de 26 a 31 de janeiro de 2005; d) Participação, como organizador da Mostra de Arte e Cultura, no II Congresso Estadual do Sindjufe-BA, de 01 a 03.06.2007, no Hotel Sol Bahia Atlântico, em Salvador/BA e) Tem poemas publicados nos jornais de grande circulação da capital e do interior do estado da Bahia, além de jornais de Brasília/DF; Colaborador, desde 1985, do jornal A PROSA, de Brasília/DF. f) Colaborador da revista cultural Art’Poesia, de Salvador, editada por Carlos Alberto Barreto, que publica poemas de autores do mundo inteiro. g) Palestra na ong Vento em Popa, no bairro Jardim Gaivotas, em São Paulo, em 2007, com o tema “Motivação através da leitura”. h) Colunista do site www.zonamix.com.br desde fevereiro de 2006 e do site www.radarmix.com, desde março de 2006. Nestes e em outros sites do segmento GLSBTT, o escritor colabora sempre com matérias ligadas ao mundo gay, cobertura de paradas e eventos GLBTTS. i) Verbete do “Dicionário de Escritores Baianos”, Secretaria de Cultura e Turismo, Salvador, 2006. j) Membro da Federação Canadense de Poetas desde 2004. k) Membro da Associação Artes e Letras (França) desde 2005. l) Membro da União Brasileira de Escritores – UBE, desde março de 2006. m) Em 1987 participou da Diretoria Regional do Partido Comunista do Brasil e da União da Juventude Socialista - UJS, em Jequié/BA. Eleito o primeiro diretor de imprensa do Grêmio Estudantil Dinaelza Coqueiro, do Instituto de Educação Régis Pacheco, fundou o jornal Jornada Estudantil. n) Fundador do fã-clube do Jean Wyllys (www.jeanwyllys.com). Seu site profissional é www.galinhapulando.com O site Galinha Pulando apóia todos os eventos e movimentos de afirmação da cidadania, contra o racismo e, principalmente, contra a homofobia. Divulga também matérias e coberturas ligadas ao meio GLSBTT. o) Colaborador do Café Literário de Camaçari/Ba, evento realizado pela coordenação do PROLER – vários anos. Residente e domiciliado à Rua São Domingos Sávio, 155 – Edifício Gama – apartamento 401 – CEP 40050-520 – Nazaré, Salvador/Bahia, poeta e escritor, filho de Paula Almeida de Jesus e de João Alexandre de Jesus (ambos falecidos).
Número de vezes que este texto foi lido: 30004


Outros títulos do mesmo autor

Romance Livro com temática gay é lançado por adolescente Valdeck Almeida de Jesus
Romance Escritor Baiano Léo Dragone Lança primeiro livro Valdeck Almeida de Jesus
Poesias 182 poetas num livro de poesias Valdeck Almeida de Jesus
Poesias Jornalismo não opinativo Valdeck Almeida de Jesus
Artigos Minha paixão por livros Valdeck Almeida de Jesus
Poesias PUBLIQUE SEUS POEMAS NUM LIVRO Valdeck Almeida de Jesus
Poesias Escritor baiano patrocina livro de poesias Valdeck Almeida de Jesus
Releases Jean Wyllys e Valdeck Almeida lançam livros em Jequié/BA Valdeck Almeida de Jesus


Publicações de número 1 até 8 de um total de 8.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2020
 
  Textos mais lidos
Os donos da nossa privacidade - DIRCEU DETROZ 1 Visitas
SOBRE SUA CHEGADA E O CÉU QUE EU RECEBO - Alexsandre Soares de Lima 1 Visitas
O VÍCIO DOS POETAS - Alexsandre Soares de Lima 1 Visitas
A IDADE E SEUS DECANTOS - paulo ricardo a fogaça 1 Visitas

Páginas: Primeira Anterior