Login
E-mail
Senha
|Esqueceu a senha?|

  Editora


www.komedi.com.br
tel.:(19)3234.4864
 
  Texto selecionado
A ZEBRA E O MACACO
Saulo Piva Romero

HOUVE UM TEMPO EM QUE UM MACACO QUE O REI DAS ÁGUAS. MUFFIN CONTROLAVA E VIGIAVA UMA FONTE DE ÁGUA QUE NÃO SECAVA DURANTE A SECA.
ELE NÃO PERMITIA QUE NENHUM ANIMAL BEBESSE ÁGUA DA SUA FONTE PREFERIDA, POIS, QUANDO UM ANIMAL SE ATREVIA A SE APROXIMAR DA SUA PRECIOSA FONTE PARA BEBER UM POUCO DE ÁGUA, ELE FICAVA FURIOSO E LOGO BOTAVA O ANIMAL PARA CORRER DALI.
SÓ DE OUVIR SOBRE A FAMA DE MUFFIN, OS ANIMAIS DAQUELA SELVA, ASSUSTADOS, NEM QUERIAM SE APROXIMAR DAQUELA FONTE DE ÁGUA, POIS, NÃO QUERIAM PROVOCAR A FÚRIA DO MACACO
MAS UM DIA A ZEBRA E SEU FILHO RESOLVERAM CAMINHAR PELA SELVA E ACABARAM SE PERDENDO DA GRANDE MANADA DE ZEBRAS E CANSADOS E COM SEDE AVISTARAM A FONTE PROIBIDA E MESMO SABENDO DO PERIGO QUE CORRIAM,MONA, E SEU FILHO DECIDIRAM BEBER UM POUCO DE ÁGUA DA FONTE QUE ERA VIGIADA DIA E NOITE PELO MACACO, POIS, O TEMPO ESTAVA SECO E TODAS AS OUTRAS FONTES DE ÁGUA SECARAM.
ASSIM, QUANDO A ZEBRA E SEU FILHO IAM BEBER A ÁGUA DAQUELE FONTE, UMA VOZ GRITOU:

- EI, SEUS ATREVIDOS! VÃO EMBORA DAQUI! ANTES QUE EU PERCA A MINHA PACIÊNCIA, POIS, ESSA FONTE ME PERTENCE POR DIREITO DESDE QUE EU NASCI, POIS, EU SOU O REI DAS ÁGUAS!
AS ZEBRAS OLHARAM ASSUSTADAS, PARARAM DE BEBER IMEDIATAMENTE QUANDO VIRAM O MACACO ZANGADO DO OUTRO LADO DA FONTE.
O MACACO ESTAVA COM CARA DE POUCOS AMIGOS E PULANDO DE GALHO E GALHO FOI SE APROXIMANDO DAS ZEBRAS QUE ESTAVAM MUITO ASSUSTADAS, POIS, ELAS ESTAVAM PARALISADAS NO BEIRA DA FONTE, POIS,
PARA ELAS, ERA COMO SE ESTIVESSEM VENDO UM FANTASMA DO OUTRO LADO DA FONTE.
- MAMÃE, ESTOU COM MEDO!
- NÃO, PRECISA TER MEDO MEU FILHO, POIS NADA DE MAL VAI LHE ACONTECER. EU ESTOU AQUI PARA LHE PROTEGER.
E NUM ATO DE CORAGEM A ZEBRA DISSE:
- VOCÊ NÃO É DONO DE NADA, POIS, TODOS OS ANIMAIS PODEM BEBEM DA ÁGUA DESSA FONTE, POIS, VOCÊ SABE QUE NÃO É REI DE NADA, POIS, O REI DAS SELVAS É O LEÃO, E ELE PERMITE QUE TODOS OS ANIMAIS DO REINO DAS SELVAS BEBAM ÁGUA DESSA FONTE E TAMBÉM DE QUALQUER OUTRA FONTE EXISTENTE AQUI NA NOSSA SELVA.
ISSO FEZ COM QUE O MACACO FICASSE AINDA MAIS FURIOSO COM A ZEBRA E ELE FICOU FRENTE A FRENTE COM A ZEBRA E DISSE:
COMO OUSA ME DESAFIAR! VOCÊ NÃO PASSA DE UM CAVALINHO MEDROSO SEM GRAÇA!
E A ZEBRA CADA VEZ MAIS CORAJOSA CONTINUAVA DESAFIANDO O MACACO E OLHANDO BEM FUNDO NOS OLHOS DELE E RESPONDEU:
- ENTÃO JÁ QUE SE ACHA TÃO VALENTE PARA ME DESAFIAR, VOCÊ TERÁ QUE LUTAR COMIGO SE QUISER BEBER A ÁGUA DA MINHA FONTE.
ASSIM, O MACACO DOMINADO PELA RAIVA PARTIU PARA CIMA DA ZEBRA E OS DOIS COMEÇARAM A ROLAR PELO CHÃO DANDO INÍCIO A UMA LUTA QUE NÃO TINHA HORA PARA ACABAR.
E ENQUANTO LUTAVAM, ELES CONTINUAVAM SE DESAFIANDO.
- VOCÊ NÃO É MAIOR DO QUALQUER ANIMAL QUE PERTENCE A ESTA SELVA.
E O MACACO RESPONDEU:
EU SOU O REI DAS ÁGUAS QUE NASCEM NESSA SELVA. PORTANTO SOU EU QUEM DECIDE QUEM VAI BEBER OU NÃO DA ÁGUA DA MINHA FONTE.
E A MONA FOCADA NO SEU OBJETIVO DE SACIAR A SUA SEDE E A DO SEU FILHO NEM DEU OUVIDOS AS PALAVRAS DO MACACO.
E A LUTA CONTINUOU COM UM DESAFIANDO O OUTRO ATÉ QUE O MACACO SE DISTRAIU COM O CANTO DE UM PASSARINHO E A ZEBRA APROVEITOU ESSE MOMENTO E LHE DEU UM COICE COM TANTA FORÇA QUE O ARREMESSOU PELOS ARES FAZENDO ELE CAIR COM O BUMBUM SOBRE AS ROCHAS PRÓXIMAS DA FONTE FAZENDO COM QUE O MACACO FICASSE COM UMA MANCHA AVERMELHADA NO BUMBUM POR CAUSA DO INCHAÇO. O MACACO FICOU COM ESSA MANCHA PARA SEMPRE... E PASSOU A SER CONHECIDO COMO MUFFIN, O MACACO DO BUMBUM VERMELHO.
DEPOIS DO COICE TÃO FORTE QUE A ZEBRA DEU NO MACACO ELA ESCORREGOU E CAIU NUMA FOGUEIRA QUE ARDIA PERTO DO LOCAL DO COMBATE EM QUE ELA HAVIA VENCIDO O MACACO E COM ISSO AS CHAMAS QUEIMARAM O PELO BRANQUINHO DA ZEBRA FAZENDO COM QUE ELA GANHASSE LISTRAS PRETAS NO CORPO.
A MANADA DE ZEBRAS CHEGARAM A FONTE E ASSUSTADAS CORRERAM PARA AS PLANÍCIES DEPOIS DE VEREM O ESTADO EM QUE AQUELA ZEBRA CORAJOSA HAVIA FICADO. DEPOIS QUE ISSO ACONTECEU, TODOS OS FILHO NASCIDOS DESSA ZEBRA FICARAM COM AS CHARMOSAS LISTRAS PRETAS NO CORPO.
AS LISTRAS PRETAS DERAM UM CHARME A MAIS PARA A NOVA GERAÇÃO DE ZEBRAS QUE NASCERAM DEPOIS DAQUELE COMBATE E O ARROGANTE MACACO BABUÍNO E SUA FAMÍLIA TAMBÉM TIVERAM FILHOS QUE NASCERAM COM O BUMBUM VERMELHO. ELES PASSARAM A MORAR ENTRE AS ROCHAS E VIVIAM OS SEUS DIAS, CONTINUANDO A DESAFIAR QUALQUER ANIMAL QUE SE ATREVESSE A BEBER A ÁGUA DA FONTE DOS MACACOS BABUÍNOS, ERGUENDO SUAS CAUDAS VERMELHAS O QUANTO PODIAM PARA ALIVIAR SUAS DORES NA PELADA E VERMELHA PELE E QUE FOI PASSANDO DE GERAÇÃO PARA GERAÇÃO DEVIDO AO COICE QUE MUFFIN HAVIA LEVADO DA ZEBRA.


Biografia:
Saulo Piva Romero, professor de Língua Portuguesa e Poeta, 46 anos. Nasceu em São Paulo no dia 9 de março de 1972. Começou a escrever poesias aos 18 anos. É formado em Letras pelas Faculdades Associadas do Ipiranga com Licenciatura Plena em Língua Portuguesa, Inglesa e Literatura.Em 2000 publicou seu primeiro livro Vida, amor e esperança.
Número de vezes que este texto foi lido: 102


Outros títulos do mesmo autor

Contos CABEÇA DE PAPEL Saulo Piva Romero
Contos TICO E OS FANTOCHES Saulo Piva Romero
Contos XAROPINHO Saulo Piva Romero
Contos PANCHO E O BURRINHO PREGUIÇOSO Saulo Piva Romero
Contos NOÉ E O GRANDE DILÚVIO Saulo Piva Romero
Contos O MILIONÁRIO E O MENDIGO Saulo Piva Romero
Contos O CAIRARA GORDUCHO Saulo Piva Romero
Contos O SÁBIO DO ORIENTE E O ESCORPIÃO Saulo Piva Romero
Contos A ORQUESTRA DOS ANÕES DA FLORESTA DE CHILLON Saulo Piva Romero
Contos BOM DIA! Saulo Piva Romero

Páginas: Próxima Última

Publicações de número 1 até 10 de um total de 146.

  Envie este texto por e-mail
Digite seu nome:
Digite seu endereço de e-mail:
Digite o nome do destinatário do e-mail:
Digite o endereço de e-mail do destinatário:

escrita@komedi.com.br © 2019
 
  Textos mais lidos
The crow - The Wiki World - The Crow 48477 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 38999 Visitas
OS ANIMAIS E A SABEDORIA POPULAR - Orlando Batista dos Santos 32927 Visitas
PÃO E CIRCO - Tércio Sthal 32017 Visitas
Amores! - 31972 Visitas
Desabafo - 31587 Visitas
Reencontro - Jose Andrade de Souza 31386 Visitas
haicai - rodrigo ribeiro 30758 Visitas
Faça alguém feliz - 30730 Visitas
Vivo com.. - 30374 Visitas

Páginas: Próxima Última